Ir para o conteúdo

Ir para o menu

Minha foto
Nome:
Local: Itatiba, SP, Brazil

O que te faz feliz?

26/05/2009

“A lua, a praia, o mar
A rua, a saia, amar…
Um doce, uma dança, um beijo
Ou é a goiabada com queijo?

Afinal, o que faz você feliz?"


Todo mundo sabe que a dor, o sofrimento, decepções, todas essas coisas inspiram muito mais do que momentos felizes.

Amores não correspondidos, ciúmes, enfim, confesso, apesar de detestar isso, eu faço parte do senso comum, e para mim também é muito mais fácil escrever sobre meus desesperos, angústias, amores platonicos e tudo mais.

No entanto isso não quer dizer que eu não seja uma pessoa feliz!

Às vezes eu fico triste, choro ( e como choro ) mas não me transformo em uma pessoa infeliz nunca.

Ja passei muito tempo pensando sobre a felicidade, onde encontra-la, até que por fim eu descobri a felicidade, e acreditem tive uma afinidade imensa com ela, e por mais que invejosos possam querer acabar com essa linda e gostosa amizade, é impossível.

Sabe a felicidade é algo intenso, forte e curto.

É o amanhecer a cada dia, é o olhar profundo, sincero e apaixonante da pessoa amada.
É a reciprocidade.

Acontece à conta gotas é o prazer mais prazeroso.

Felicidade não é um conceito, mas sim, sensações diárias.

Imagina que chato uma felicidade constante sem interrupções, isso jamais seria felicidade!
A felicidade é mão segurando a sua mão, é o carinho seguido do choro.
É descobrir que se é amada...
São lágrimas, palavras e sussurros.
É o sentir que vale a pena viver, ainda que o mundo esteja de ponta cabeça.

É ser sentimental sem medo, e eu sou sentimental, apesar de não gostar muito disso não passo de uma menina boba e romantiquinha.

Felicidade é a intensidade de se ouvir as coisas mais carinhosas, seja por horas, ou apenas segundos.

É aquele beijinho na testa, aquele abraço inesperado, é aquele "obrigado", aquele olhos nos olhos, aquele toque...

É melodia, verso e poesia.

É ouvir: "Eu te amo".
É dizer "Eu te amo".

É dividir os sonhos e mais que isso: é construir o paraíso...

Mesmo que momentaneo, é sentir que a vida é pra ser vivida e que cada segundo ja vivido valeu muito a pena.

É pensar no conceito de Nietzsche sobre o eterno retorno, a mesma vida repetidas vezes.

Você vive hoje uma vida que gostaria de viver por toda a eternidade??


O amor fati...

Amar o inevitável, amar o destino, amar o justo e o injusto, o próprio amor e o desamor.

Ou seja,"ser, antes de tudo, um forte", sem se reclamar da vida, sendo indiferente ao sofrimento.

"Não querer nada de diferente do que é, nem no futuro, nem no passado, nem por toda a eternidade. Não só suportar o que é necessário, mas amá-lo".

"Quero cada vez mais aprender a ver como belo aquilo que é necessário nas coisas: - assim me tornarei um daqueles que fazem belas as coisas."

"Amor fati: seja este, de agora em diante, o meu amor."
Não quero fazer guerra ao que é feio.
Não quero acusar, não quero nem mesmo acusar os acusadores.
Que minha única negação seja ‘desviar o olhar’!
E, tudo somado e em suma: quero ser, algum dia apenas alguém que diz sim."

Ser feliz é aceitarmos a vida e as pessoas, sem impor condições ou regras...
É exercitar o amor, a entrega, saber renunciar.

É saber que o caminho não importa, as dificuldades sempre vão existir, os medos, a insegurança, no entanto a felicidade esta ae, só cabe a nós prestarmos atenção nela.

Ás vezes damos tanta atenção a coisinhas bobas que deixamos a felicidade passar despercebida, então a gente reclama, se sente mal, sendo que na verdade a felicidade estava ali, prontinha só nos esperando de abraços abertos.

Portanto!

Priorize aquilo que te faz feliz, todo o resto deixe pra depois!!!

por ♥ Janinha ♥ @ 19:36

0 Comentários

Postar um comentário

<< Home

Voltar ao menu